Integração

Marketing Digital e a Revolução na Manufatura

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
Tempo de leitura: 3 minutos

Basta um clique.   Essa é a distância (ação?) que separa Você do consumidor.   O site, o blog e todos os seus perfis em redes sociais foram estruturados corretamente, assim como manda o figurino: Google Analytics, SEO (Search Engine Optimization).   As páginas estão harmônicas, a empresa já usou o budget de campanhas e até agora converteu poucos cliques em vendas.   Afinal onde estamos errando? Algo de forma conjunta e adequada faltou em relação aos seus objetivos, desafios e estratégia de cada área envolvida na gestão do negócio.

Independentemente da área de atuação, o objetivo é gerar negócios, onde a satisfação do cliente e lucratividade serão meros efeitos, seja um serviço, um produto ou “apenas” uma ideia.   Então, era isso, é fundamental o alinhamento de algumas frentes chave no mundo corporativo: Excelência Operacional, Business Intelligence e Marketing Digital.

Business Intelligence, catalisa a integração com a Excelência Operacional e o Marketing Digital!

Na prática, Business Intelligence é uma forma construtiva envolvendo Pessoas, Tecnologias e Métodos, que vai nos ajudar a identificar e entender cada oportunidade como um todo, desde o processo de criação, produção, falhas e erros, estudos, análises, planejamento, resultados, avaliações e considerações de cada elemento implicado no negócio.

Tudo isso junto gera uma gama de dados a qual será mapeada pelo Marketing, que contará com a ajuda não só de alguns elementos da empresa, mas que em tese e fundamentalmente, precisará da participação e colaboração de todos, que fazem a razão de ser da organização, a qual têm no seu bojo a expectativa dos melhores resultados, e, isso significa, sem sombra de dúvidas, atender às expectativas dos seus clientes (internos e externos).   A isso, sinteticamente, damos o nome de Excelência Operacional.

É pouco provável que haja uma empresa bem sucedida, a qual não tenha uma Estratégia que envolva todos os colaboradores e aponte como cada uma pode ajudar, talvez um bom exemplo disso seja a Toyota em função de seus princípios não só de operação, mas de ética e integridade, onde funcionários, executivos, fornecedores e sociedade como um todo alcançam benefícios mútuos.

Falar da Toyota, em minha opinião, é quase como falar daquilo que já foi futuro e hoje é o presente no sentido de avanço tecnológico e organizacional com vantagem para todos.   Em breve, um post sobre isso deverá estar pronto…

Finalmente, este conjunto de informações deverá se transformar em ações operacionais e estratégicas, embasadas de forma muito mais consistente nos resultados das análises elaboradas.   

A integração então se faz presente, via Marketing Digital o qual deve ser o responsável por utilizar as diretrizes estabelecidas junto aos canais e mídias digitais estabelecendo campanhas e direcionando esforços para que os resultados possam, rapidamente, ratificar a Estratégia definida.   O ciclo então continua com a obtenção dos dados obtidos pelos esforços mercadológicos, os quais serão convertidos em informação relevante para a tomada de decisões e e definição de próximos passos de atuação junto ao mercado dando continuidade ao ciclo de negócios o qual deverá proporcionar mais vendas, e, é claro, satisfação a todos.

É essa integração, que proporciona o tão sonhado clique.

Pense nisso!

Quer saber mais sobre melhoria de processos e Marketing Digital para alcançar a Excelência OperacionalFale com a gente!

E siga o Excelência em Pauta no Facebook!

Edição: Viviane Zanardo Lancellotti

 

About Otávio Monsanto de Paula

Profissional de Excelência Operacional e Business Intelligence! Blog: Excelência em Pauta.com.br
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar